Cantora visionária que apontou compositores e tendências, sobretudo nas décadas de 1960 e 1970, Nara Leão, nunca lançou álbum ao vivo solo (há somente os registros de shows coletivos como Opinião e 5 na Bossa). Era resistente a subir ao palco, por não se sentir à vontade para encarar o público, questão minimizada, mas nunca totalmente resolvida.

Por essa razão, a edição da caixa Nara Leão – Ao vivo anos 60 / 70 / 80 – lançada esta semana pelo selo Discobertas – é título de grande valor documental e histórico por apresentar quatro CDs com inéditos registros de shows feitos pela cantora capixaba em 1965, 1972 e 1978 e 1985.

O primeiro disco traz gravação ao vivo de 1965, de procedência parcialmente ignorada. A ficha técnica informa que as oito músicas foram captadas em São Paulo, em 1965, sem mencionar o local e a data exata da apresentação.

Já o segundo disco traz à tona o registro de 11 músicas de show apresentado por Nara em setembro de 1972, no Rio de Janeiro (RJ), sob direção geral de Tarso de Castro. Mas não há informação sobre o local do show, feito com banda formada por virtuoses do naipe do flautista Copinha (1910 – 1984), do pianista Dom Salvador e do saxofonista Paulo Moura (1932 – 2010).

O terceiro CD avança seis anos no tempo, apresentando Nara em show gravado ao vivo em 26 de janeiro de 1978, no Teatro da Galeria, na cidade do Rio de Janeiro (RJ). Nesse show, Nara canta com o toque do conjunto Os Carioquinhas, formado em 1976 com ninguém menos do que o adolescente prodígio Raphael Rabello (1962 – 1995) no violão de sete cordas.

Por fim, o quarto disco traz o registro mais completo do lote de gravações de shows da caixa. Trata-se de gravação ao vivo de show de voz e violão (o da própria Nara) feito pela artista em 30 de março de 1985 no Minas Centro, em Belo Horizonte (MG).

Os quatro discos da caixa Nara Leão – Ao vivo anos 60 / 70 / 80 ganham edições cuidadosas, com reproduções das letras das músicas e com sucintos textos escritos pelo jornalista Renato Vieira para os encartes de cada disco com a contextualização da vida e obra de Nara Leão na época de cada show.

Reproduzida: https://glo.bo/2A8oLFt

Nossas redes sociais:

Conheça também nosso site:
CHINA SOM 

Leave a Reply

Your email address will not be published.